Viajar de avião causa varizes?

pernasNa última década, a aviação comercial se tornou mais acessível a outras camadas da população. A concorrência entre as companhias aéreas e o crescimento do turismo nacional baratearam as passagens. Neste cenário, um assunto muito comentado e discutido anos atrás volta à tona: o passageiro de um avião pode ter problemas nas pernas? Inchaço nas pernas, surgimento de varizes e dores. Até que ponto isto é mito ou verdade?

De acordo com o Prof. Dr. Eduardo Toledo Aguiar, cirurgião vascular membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV) e diretor clínico da Spaço Vascular, o problema não é tão grave assim. “O problema não é viajar de avião. Viagens muito longas em que o passageiro fique sentado na mesma posição por muito tempo em qualquer meio de transporte podem causar inchaço nas pernas e um certo desconforto. Isto acontece também com quem trabalha na mesma posição por muito tempo”, explica o Prof. Eduardo.

Uma pessoa que trabalha o dia todo sentada ou em pé na mesma posição tem mais chance de desenvolver varizes do que o viajante eventual. Para quem tem histórico familiar, as chances aumentam exponencialmente. Portanto, é mito afirmar que viajar de avião causa grandes problemas de circulação nos membros inferiores. “Dor nas pernas, inchaço e um certo desconforto são comuns, mas é exagero associar uma viagem de avião ao surgimento de varizes e outras complicações”, complementa o professor.

Para quem vai ficar muito tempo sentado durante a viagem, algumas dicas podem ser seguidas:

>> Movimentar os pés e os tornozelos para cima e para baixo e em movimentos circulares a fim de estimular a circulação sanguínea;

>> Vestir roupas leves e confortáveis e ingerir muito líquido;

>> Em viagens longas de avião, ‘passear’ pelo corredor e ficar em pé por alguns momentos são boas alternativas ao desconforto;

>> Em viagens de ônibus, ficar em uma posição confortável e descer nas paradas para manter o corpo ativo;

>> Em viagens de carro, é recomendável parar a cada duas horas, descer do carro, alongar o corpo e caminhar um pouco para estimular a circulação;

>> Pessoas com histórico de doenças do sistema circulatório devem procurar o médico vascular antes de viajar.

O uso de meias elásticas de compressão também auxiliam os viajantes. As pessoas que não tem histórico de doenças vasculares podem utilizar uma meia elástica de leve compressão. Para quem tem varizes ou outro problema vascular, o ideal é que o médico indique a meia com a compressão adequada ou adote outra conduta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: