Drenagem linfática durante a gestação

grávidaDurante a gestação, alguns fatores como o útero pressionando as veias, o aumento da progesterona e o sedentarismo facilitam o excesso de acúmulo de líquido no organismo da mulher. Eles causam sintomas de cansaço, sensação de pernas pesadas e pés inchados. A drenagem linfática manual pode ajudar a reduzir esse acúmulo de líquidos.

Essa técnica ajuda na redução do excesso de líquido, eliminando também dejetos provenientes do metabolismo celular. Desta forma, a drenagem desintoxica o corpo da gestante.

Além do efeito drenante, que restabelece uma circulação correta, essa atividade também estimula o sistema imunológico, melhorando a defesa do organismo.

É muito importante ressaltar que a drenagem deve ser realizada por um fisioterapeuta ou por um profissional com conhecimentos da anatomia e fisiologia, pois se realizada de forma errada, além de não surtir efeito, pode provocar hematomas e piorar o inchaço do corpo.

As informações são da Dra. Tânia Antonialli, especialista em fisioterapia dermato-funcional pelo Conselho Brasileiro Cultural e Cientifico de Fisioterapia (CBF), e em saúde da mulher no climatério pela USP.

Anúncios